MUNICIPIO

MUNICIPIO

PERFIL DO MUNICÍPIO DA VILA DE MILANGE

 

Historial do Municipio

O Município foi sede do Comando Militar do mesmo nome entre 1820 à 1902. Em 1911 fazia parte do Prazo de Milange na área da 4ª Circunscrição Fiscal. Entretanto, em 1919, o Prazo de Milange foi integrado na área do Prazo de Borror (Boletim Oficial de 18/S/1919). Em 1924 o Prazo de Milange passou a pertencer a área de 3ª Circunscrição Fiscal com a sua Sede na Povoação de Namarros. Durante a década de 1930-1940, as condições económicas e administrativas de Moçambique levaram a expansão de cultura de Chá na Província da Zambézia. Em 1933 o Acordo Internacional de Chá, permitiu a estabilização do preço, assegurando a rentabilidade dos pequenos produtores moçambicanos. Pela Portaria nº 17 746, de 21 de Abril de 1964, foi extinta a Circunscrição de Milange e criado em sua Substituição, o Conselho de Milange elevado à categoria de Vila a 1 de Junho do mesmo ano. No ano de 1978, foi criado o Conselho Executivo do Distrito, de harmonia com as Leis nºs 5, 6 e 7/78, de 22 de Abril. Em 1987 foi elevada a categoria de Vila (Resolução nº 9/87, de 25 de Abril). Em 1997, na sequência do processo de descentralização administrativa que vem se efectuando no país, a Vila de Milange foi elevada a categoria de Município, de harmonia com a Lei nº 10/97, de 31 de Maio.

 

CARACTERISTICAS GERAIS DO MUNÍCIPIO

Emblema do Município e seu significado

O Emblema do Município da Vila de Milange é constituído por três estrelas no topo de um triângulo, no qual temos o sol, duas espigas de milho sobre as encostas do monte Tumbine e de baixo de uma tira de cinco cores expostas em linhas paralelas. Sobre a tira está disposta uma faixa rectangular de cor verde com a inscrição "Município de Milange".

 Os elementos constantes do emblema representam:

  1. Estrelas: Representam o espírito de solidariedade dos munícipes da Vila de Milange.
  2. O Sol: Simboliza a nova vida em construção.
  3. Espigas de milho: Representam o potencial Agrícola da Vila Municipal.
  4. Cor azul: Representa as águas do Monte Tumbine.
  5. Cor branca: Representa a Paz.
  6. Cor preta: Representa o Continente Africano.
  7. Cor amarela: Simboliza as riquezas do subsolo.
  8. Cor vermelha: Representa a Luta de Libertação Nacional e Defesa da Soberania.

Situação geográfica

A Vila de Milange, sede do Distrito do mesmo nome, situa­-se a Noroeste da Província da Zambézia, junto da fronteira com a República do Malawi e tem como limites físicos:

  • Norte - República de Malawi;
  • Sul - Localidade Sede do Distrito de Milange (povoado de Nhazombe);
  • Este - Monte Tumbine;
  • Oeste - Distrito de Milange, Posto Administrativo de Majaua.

 No Município destacam-se duas estações, nomeadamente a quente e a chuvosa com uma média anual de precipitacao superior a 2000mm que vai de Outubro a Abril. Este é o período que propicia a prática de actividades agrícolas.

 O clima predominante  da região é  do tipo tropical de altitude cuja a temperatura média anual é de 24oC, sendo o mês mais frio com 18oC e o mais quente com 29oC. Porém registam-se variações sendo cerca de 20o C nas terras altas das montanhas.

 A estação seca e fresca vai de Maio a Setembro com uma pluviosidade de 1.400mm.

 A Vila possui características económicas principais viradas à produção agrícola com uma área aproximada de 50km² e uma população estimada em 30.257 habitantes segundo o censo de 2007, distribuída em 4 Bairros Municipais e 17 Unidades Residenciais assim designados:

  • 1º Bairro (Unidades Eduardo Mondlane, 1º de Maio, Josina Machel e Nanguo);
  • 2º Bairro (Unidades 25 de Junho, Armando Emílio Guebuza, Samora Machel e Mbozi);
  • 3º Bairro (Unidades 1 de Junho, 25 de Setembro, 3 de Fevereiro, Liaze e 4 de Outubro);
  • 4º Bairro (Unidades 7 de Abril, 12 de Outubro, Irrumba e Brandão).

 

Recursos Naturais

O desflorestamento e a erosão são problemas ambientais que afectam a Vila de Milange. Ao nível da Vila, por causa da desflorestação, os munícipes vêem-se obrigados a deslocar mais de 5km a procura de lenha. A Vila de Milange situa-se junto do Monte Tumbine (caracterizado por uma rara e variada biota e considerados habitats importantes para a conservação da diversidade genética e biológica, para a manutenção da qualidade de vida silvestre e para o sustento da fonte e qualidade de água para os utilizadores a jusante) que, em 1998, cerca de 100 pessoas morreram naquele lugar por causa de um desabamento de terras.

As terras desabaram porque se retirou a cobertura florestal das encostas e as chuvas arrastaram os solos. Foram feitos relatórios com recomendações muito claras. Neste momento a floresta voltou a ser cortada e as pessoas voltaram a povoar as regiões perigosas.

 Para inverter a situação, desde aquela época, o Conselho Municipal da Vila de Milange parceria com a ORAM e Associação de Jovens Poliventes de Milange, tem vindo a levar a cabo acções de sensibilização aos munícipes no sentido não cortarem árvores nas encostas do monte Tumbine, queimadas descontroladas, bem como o plantio de mais árvores sobre o Monte Tumbine. Neste momento o Conselho Municipal está empenhado na criação de mudas de plantas para o reflorestamento do Monte Tumbine.

 

Rede de Estradas Classificadas

CLASSIFICAÇÃO DA ESTRADA

TIPO DE ESTRADA

PERCURSO

EXTENSÃO (KM)

ESTADO DE CONSERVAÇÃO

 

Terra batida

Vila de Milange-Majaua

   

ER465

Asfaltada

Vila de Milange- Mocuba

   

ER474

Terra batida

Vila de Milange- Gurué

   

 

 Rede de Estradas não Classificadas

PERCURSO

ESTADO DE CONSERVAÇÃO

INTERVENÇÃO

Administração do Distrito/Hospital Rural

Transitável

Drenagem e Plataforma

Liaze/Cebola

Transitável

Ponteca/Plataforma

Feira de Amizade /Célula Armando  Emílio Guebuza

Intransitável

Plataforma e drenagem

25 de Setembro/Cebola

Intransitável na época chuvosa

Melhorar plataforma e drenagem 

Rádio Comunitaria Thumbine à estrada Gurué

Transitável

Melhorar plataforma

Rua cruzamento dos apóstolos à estrada Gurué

Intransitável na época chuvosa

Drenagem

Rua Cruzamento Handling/Igreja Quadrangular

Transitável

Melhorar Plataforma

R. Cruzamento J. Nherere à Escola Chá Oriental

Transitável

Melhorar plataforma e drenagem 

R.Tumbine cruzamento à estrada Mocuba

Transitável

Drenagem e plataforma

Cebola/7 de Abril

Transitável

Drenagem, plataforma e aqueduto

Rua Joaquim Maquival

Transitável

Drenagem

Av. Eduardo Mondlane

Transitável

Colocação de lanceis

 

Destinos turísticos

  • Fotaleza Dom Carlos do Forte
  • Piscina Municipal
  • Monte Tumbine

População

Segundo o III RGP e Habitação de 2007, a Vila de Milange contava com uma população total estimada em 30,257 habitantes dos quais 15,502 homens e 14,755 mulheres.

 Estima-se que neste momento e com base na taxa de crescimento natural do país  é de 2.8%, o município tinha cerca de 41.285 habitantes.

Bairros

Unidades Residenciais

População Total (2007)

H

M

População Total (2013)

H

M

1o Bairro

Ed. Mondlane

6.568

3347

3221

7752

3950

3802

1° de Maio

Josina Machel

Nanguo

2o Bairro

25 de Junho

12.082

6244

5838

14259

7369

6890

Armando E. Guebuza

Samora Machel

Mbozi

 

 

3o Bairro

1 de Junho

7.198

3696

3502

8495

4362

4133

25 de Setembro

Liaze

3 de Fevereiro

4 de Outubro

4o Bairro

7 de Abril

4.409

2215

2194

5204

2614

2590

12 de Outubro

Irrumba

Brandão

 

Rede escolar

LOCALIZAÇÃO

NOME DA ESCOLA

NÍVEL

NO DE SALAS

4oBairro

Brandão

EP1

02

2o Bairro

Josina Machel

EP1

03

3o Bairro

Liazi

EPC

02

1o Bairro

1o de Maio

EPC

05

2o Bairro

Chá Oriental

EPC

13

1o Bairro

Eduardo Mondlane

EPC

06

3o Bairro

Milange-Sede

EPC

16

4o Bairro

7 de Abril

EPC

9

1o Bairro

Esc. Sec.Pré-Univ

ESG

14

3º Bairro

UCM / CED

Superior

 


Rede sanitária

NOME DA UNIDADE SANITÁRIA

LOCALIZAÇÃO

Hospital Rural de Milange

1o Bairro

Centro de Saúde Urbano de Milange

3o Bairro


Unidades industriais

 A Vila Municipal está contam com 27 Indústrias moageiras, 19 Carpintarias e 18 Oficinas.

 

Comerciais

 Existe ainda na Autarquia 139 estabelecimentos comerciais, sendo 18 lojas e 121 bancas fixas.

 

Turismo

 Existe na Vila de Milange 35 estabelecimentos turísticos, sendo 9 Pensões e 26 Restaurantes Bar.

 

Economia

O Município da Vila de Milange apresenta como potencialidades as seguintes áreas:

  • Quatro (4) Mercados municipais, nomeadamente: Central, 7 de Abril, Liaze e Josina Machel;
  • Feira de Amizade que é o maior centro comercial da autarquia;
  • Duas (2) Instituições bancárias (BIM e BCI), e 1 rede de energia eléctrica da EDM,
  • Terra apta para a prática de agricultura, turismo de contemplação,
  • Comércio, condições hidrológicas para irrigação agrícola e abeberamento do gado.

 

A sua localização geográfica é favorável a trocas comerciais com Malawi, bem como a ligação com os Distritos de Molumbo e Guruè pela ER474 e Mocuba/Quelimane através da ER465 e ainda a proximidade à província de Tete através da via Malawi, apresentando daí todas as capacidades e características de um corredor de desenvolvimento.

 

Meios de comunicação social

Operam na Autarquia 2 estações emissoras dos sinais da Rádio Moçambique (R.M), Rádio Comunitária Tumbine e 1 estação da Televisão de Moçambique – TVM.

Importa referir ainda que, opera na Autarquia um revendedor autorizado da antena televisiva da ZAP de que os munícipes se servem para a captação de informação do país e do mundo, para além dos sinais de Rádio e Televisão do país vizinho do Malawi.

 Operam ainda na autarquia 3 redes de telefonia móvel, nomeadamente: mCel, Vodacom e Movitel.

 Milange, Maio de 2015